O que significa Growth Hacking? – Conceito e aplicação na prática

O que significa Growth Hacking? Segundo a melhor agência de marketing digital Curitiba, é definido como uma estratégia de marketing fortemente focada em startups, aqui estão algumas dicas práticas para aplicá-lo de forma eficaz e melhorar os resultados.

O termo growth hacking é um dos mais populares do momento, muitas vezes ouvimos falar sobre essa estratégia e suas melhores práticas, principalmente quando atuamos no mundo das startups.

Para qualquer empresa, o crescimento constante é essencial, mas um processo evolutivo rápido e ao mesmo tempo duradouro é ainda mais essencial para um negócio em fase de arranque.

Para estas empresas inexperientes, o trabalho sinérgico de diferentes elementos é necessário para conseguir prosperar, um excelente produto, uma excelente equipe, uma grande capacidade de adaptação e uma estratégia de marketing orientada para resultados estão entre eles. 

O growth hacking com seus processos específicos pode ser útil para orientar tanto as empresas jovens quanto as grandes empresas que precisam de um impulso para seu desenvolvimento rumo ao sucesso. Leia conosco e entenda melhor o que significa growth hacking, vamos lá!

Clique e saiba mais +

O que significa growth hacking?

Afinal, o que significa growth hacking? A definição growth hacking foi dada em 2010 por Sean Ellis, um famoso empresário, investidor e consultor americano, que citou essa estratégia como uma chave indispensável para o crescimento de pequenas e médias empresas, mas também pode ser usada pelas maiores empresas para aumentar seus negócios.

Definir precisamente o que significa growth hacking não é fácil, especialmente porque é uma filosofia de ação, e não uma tática predefinida. Pode ser rotulado como um processo de experimentação rápida que é aplicado a canais de produtos e marketing para encontrar as maneiras mais eficazes de expandir um negócio.

Basicamente, quando você escolhe confiar no growth hacking você decide fazer do processo de crescimento de um negócio uma parte crucial da estratégia de ação, growth hacking é de fato uma mistura interessante de marketing criativo, análise de dados, desenvolvimento, automação e principalmente experimentos.

São estes últimos, rápidos e direcionados, que são o fulcro desta técnica de marketing inovadora, as experiências que visam identificar as melhores oportunidades de crescimento são a principal ferramenta capaz de aumentar os clientes e o volume de negócios.

Sobre o que são especificamente os experimentos de growth hacking? Todas as fases da jornada do cliente, desde o produto, do marketing, ao atendimento ao cliente e da análise de dados.

Falamos, portanto, de uma abordagem global, que não diz respeito apenas a uma parte do negócio, mas envolve todos os setores da empresa, todos os atores e todos os indivíduos da equipe.

Testes, dados e resultados orientam toda a atividade do growth hacking, é uma forma de atuação particularmente dinâmica e flexível, que é claramente perfeita para o universo em constante evolução das startups, que tendem a ser mais abertas ao pensamento alternativo e criativo para seu próprio crescimento.

Growth hacking e startups

No contexto típico de startups, a falta de um histórico de marketing tradicional se conjuga com a ausência de grandes orçamentos para investir e torna essencial focar de forma original em conceitos como inovação, escalabilidade e repetibilidade de resultados.

O growth hacking surge neste sentido como uma das melhores ferramentas para identificar a forma mais rápida de expandir um negócio, num contexto onde o tempo é limitado, os fundos não são ilimitados, a concorrência é elevada e a equipe de trabalho é decisiva.

A maleabilidade típica das startups as torna o terreno perfeito para a rápida experimentação de produtos, serviços e comunicação realizada por hackers.

A encruzilhada diante de muitos pequenos negócios recém-nascidos é exatamente o que separa o caminho da sobrevivência daquele direcionado ao desaparecimento do mercado, os experimentos implementados pelo growth hacking nos permitem entender rapidamente o que funciona e o que não funciona, sem a necessidade de correr grandes riscos e investir imensas somas de dinheiro para então ter um banco de dados para orientar as escolhas futuras.

A figura do growth hacker

O growth hacker pode ser visto como a figura que apoia empresas, startups, PMEs inovadoras e profissionais em seu caminho para o crescimento.

Ele é, portanto, capaz de maximizar o potencial do marketing e do digital, com o objetivo de aumentar o número de leads, clientes e usuários do produto ou serviço, muitas vezes pensando de lado e fora da caixa para atingir seu objetivo, daí o conceito de "Hacking".

Um growth hacker é a expressão máxima do perfil T, muito em voga nos tempos mais recentes, ou seja, ele possui habilidades transversais em diferentes áreas e as combina com maestria para poder direcionar o processo de crescimento e interagir com os especialistas das diferentes áreas da empresa com quem colabora. Ele tem as habilidades de um perfil puramente técnico e entende de desenvolvimento e engenharia, mas também é treinado em tópicos como gerenciamento de conteúdo, vendas, comunicação e análise de dados. A fusão de várias competências é o que mais caracteriza esta profissão. Esse foi nosso artigo sobre o que significa growth hacking, esperamos que tenha sido proveitoso, até a próxima

Especialista em Marketing Digital

Marketing digital são ações de comunicação que as empresas podem utilizar por meio da internet, da telefonia celular e outros meios digitais, para assim divulgar e comercializar seus produtos ou serviços, conquistando novos clientes e melhorando a sua rede de relacionamentos.

Separamos especialmente para você

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

um + 1 =

Go up